Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Domingo à tarde

Senta-te, desfruta e serve-te enquanto vou ali fazer uma sestinha

11.Out.18

Trazes-me uma Cerelac?

David Marinho

Sempre gostei de Cerelac. Gostam de Cerelac?

Esta papa é intemporal para mim, de tal forma que de tempos a tempos vou lá dar uma vista de olhos para ver se sabe ao mesmo. Mas não sei comer Cerelac. Creio que sou um rebelde das papas que não mede ás colheres o que come, preferindo juntar uma boa camada de estuque e comer assim mesmo, sujeitando-me a ficar sem fome durante dois dias.

Cerelac não é memória para mim, atenção...é gula. E para quem lida com sobrinhos como eu, ter estas coisas em casa é perfeitamente normal e não se pode estragar, como podem imaginar.

E lembrei-me disto por uma razão muito simples: senti hoje frio e a chuva já se faz sentir por essas ruas fora. Já pede, aqui e ali, um quentinho, algo que nos sustente os Invernos rigorosos. E esta papa fazia e faz isso, mas evito, como se evitasse para sempre uma memória balofa dos meus tempos áureos da infantilidade.

Resultado de imagem para cerelac

fonte da imagem:continente.pt

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.