Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Domingo à tarde

Senta-te, desfruta e serve-te enquanto vou ali fazer uma sestinha

17.Mai.17

Qualquer coisa de metafísico

David Marinho

Há um soletrar metafísico na forma como as pessoas se olham nos dias de hoje. Fala-se pouco, sente-se menos mas não escapa um certo querer no virar da página, das histórias, sei lá. Há uma avidez aguda nas energias que se formam à nossa volta que, escapando às palavras do comum mortal, sobram em esgares malandros e olhares taciturnos. Ninguém percebe isso? É algum dom perceber a noção mínima do que está por detrás das grandes histórias universais? Nunca se questionaram sobre nada do que não veem? É louco o suficiente para desacreditarmos na vida? 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.