Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Domingo à tarde

25
Nov19

Menosprezar sentimentos, porquê?

David Marinho

Não podemos menosprezar o sentimento de ninguém pelas coisas. Há lá coisa mais horrível que rejeitarem que afinal somos feitos de carne e sentimos coisas? É que a insegurança é uma coisa tão volátil como verdadeira, porque não há ninguém que não seja inseguro. 

Não há ninguém que não tenha temido nada na vida.

Todos queremos vencer mas a menos que não tenhamos adversidades nem adversários, temos de lutar. E lutar requer esforço e dedicação e a probabilidade perder é de 50%. Sempre.

Menosprezar que sentimos é menosprezar que falhamos. Que podemos falhar e que isso é tabu.

Se soubéssemos, no alto da nossa sapiência, a quantidade insana de gente incapaz de crescer com medo de falhar...

O produto feito é sempre produto inacabado. Nunca saberemos os limites.

22
Nov19

De onde veio tanta chuva?

David Marinho

Não gosto disto.
Acordar a uma Sexta-Feira para enfrentar este vendaval e um trânsito infernal, devia ser proibido.
É que a água não tem vergonha e entra por todo o lado, embarcando numa aventura de miss roupa molhada de dimensões épicas.
Nem as botas, compradas para suportar as chuvadas mais valentes, aguentou. Ou a natureza vai lixando todos os planos, ou o material não é bom ou então simplesmente não gosto de levar com chuva em cima. Os os três.
Odeio levar guarda-chuva.
É que no fim do dia ou o perco ou deixa de ser um.
Vidas.

21
Nov19

Tens tempo?

David Marinho
A chuva. 
 
O cheiro a terra molhada lá de fora.
 
O cheiro a café (moído na hora) cá dentro.
 
Um lar.
 
Pouca coisa é tão visual como viver. Não há nada que nos provoque tamanha sensação de liberdade e descanso do que poder viver.
Já nos chega ter de sair todos os dias para enfrentar o mundo com mil caras, com mil formas de ver as coisas, muitas vezes porque tem de ser.
Então agarro-me a isto, bucolicamente a isto. Como se fosse um ritual, uma forma de me convencer que existo, que ainda vivo.
Mas conseguir sentir isto é poder ter tempo para sentir. E falhamos muitas vezes isso.
Não temos tempo.
Não temos tempo.
Não temos tempo.
 
E precisamos. Tanto.

 

Pág. 1/2

Pesquisar

Compra já!

Bertrand

20% a 50% em TODOS os livros - Mrec

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D